Motivos de Oração – Março/2017

1 – LOUVORES E GRATIDÃO: pela longa viagem desde dezembro até fevereiro junto com equipe as vezes até 20 pessoas, que em todos os campos vê-se a ação de Deus levando a tempo de colheita após longos anos de labor paciente, perseverante e dedicação da nossa gente. São obreiros locais servindo amadurecidos de forma integral, líderes locais convictos e engajados em alcançar os seus povos e além, crianças que viviam em situação de risco hoje crescendo conhecendo mais firmes ao Senhor, as comunidades impactadas com o testemunho deles. AGRADEÇO ao Senhor por cuidar durante o período de doença que tive enquanto estava na viagem, por provisão de Deus na Sua soberania de prover um cuidador fiel e dedicado todo o tempo difícil e na hospitalização, pelo apoio das igrejas e pessoas que me possibilitaram a voltar ao Brasil mesmo ainda doente, que Deus retribua grandemente a todos.

2 – JADE: SOMOS MUITO GRATOS AO SENHOR que nos levou a ministrar aos corações das esposas dos pastores que cuidam dos orfanatos centros infantis, cuidando das suas emoções desgastadas, proporcionando momentos de reflexão na Palavra sobre chamado de Deus para elas, quem elas são diante do Senhor, orações intercessoras as cansadas que estavam em situações difíceis como viuvez, filha com lesão cerebral, além da labuta diária de cuidar de dezenas crianças e adolescentes com o pouco que tem e numa situação do pais em transição repentina de fechado para abertura quase total. Levamos a passeios e até compras para algo para elas mesmas particularmente. A renovação vista na alegria nos olhos e semblantes, prontas para enfrentar novamente a cozinha, lavar e passar roupas, cuidar das necessidades das muitas crianças cada uma com seu problema particular trazido dos seus lares quebrados onde viviam. Agradecemos a cada igreja que colaborou para viabilizar o retiro na montanha e os muitos presentes entregues.
OREMOS para que com visão e forca renovada, essas irmãs valentes continuem a cuidar rendendo jovens que vão impactar e transformar a sua sociedade.

3 – AS ILHAS: AGRADECEMOS A DEUS pelo retiro realizado com 12 casais de obreiros locais que servem nas ilhas isoladas. Ministramos reflexões da Palavra, atualizações da situação do mundo, e trabalho com lares e infantis. Muitos são seus problemas, que a maioria veio de outras ilhas de condição melhor. OREMOS para que perseverem com visão renovada, que os muitos problemas práticos sejam sanados, maiormente tem a ver com a pouca finança e contexto precário.
LOUVAMOS A DEUS pela ministração de aula de inglês pela voluntaria D. na escola-dormitório e atendimentos as crianças e adolescentes como psicóloga; pelo bom trabalho dedicadíssimo do casal N/F num dormitório cuidando de 35 crianças e pré-adolescentes principalmente no ensino da vida com Deus, OREM por eles por sabedoria que haja transformação nas vidas das pequenas, que alcancem os seus pais, famílias e a sociedade.

4 – O VULCAO: LOUVAMOS GRANDEMENTE A DEUS pela programação natalina entre os desalojados num abrigo de um salão só onde vivem todos há mais de três anos. A mensagem sobre “Não temas” que os anjos sempre disseram ao falar com as pessoas anunciando a vinda de Jesus calou fundo. As pessoas até obreiros vieram contar que estavam desesperançadas, mas agora tem novo ânimo e esperança. As quase uma centena de crianças chorando aceitaram a Jesus após a contagem a história do Filho Perdido. Os jovens da outra fé que não podem ficar no culto fascinados com o estouro da pipoca que servimos, que nunca tinham visto, ajudaram os nossos obreiros.
OREM pela “Casa de estudo” que abrimos duas semanas depois para cuidar das crianças no abrigo.
Louvamos a Deus pela parceria com a Igreja Quadrangular que adotou o projeto, pela abertura da igreja local e comunidade em apoiar o trabalho.
OREM pela liderança local que abraçou os nossos projetos, INTERCEDAM pelo plano de ministrar o curso de preparo transcultural para profissionais servirem de curto prazo em agosto, pela vinda de uma equipe multidisciplinar em parceria do exterior e local em julho, e pelos jogos e clínica de futebol de um time do Brasil em outubro muito esperado pela liderança e autoridades locais, que tudo redunde em frutos que permanecem.

5 – SOS OURO: AGRADECEMOS AO SENHOR pelo bom andamento do socorro em desastre num local aberto com “Chave de ouro” prestado pela nossa equipe local em parceria com duas outras organizações, apoiado financeiramente pela liderança da igreja na região do vulcão. Damos atendimento médico e outras necessidades das vítimas do terremoto. OREM pelo plano de retorno a convite da população de duas aldeias atendidas, pedindo instruções em várias áreas onde carecem, que se forme um relacionamento de confiança. AGRADECEMOS a vocês que ofertaram, pedindo que continuem a apoiar na fase seguinte do socorro.

6 – TIMOR LESTE: AGRADECEMOS A DEUS pelos encontros com os nossos obreiros e líderes locais, pelo trabalho pacientemente desenvolvido que alcança o povo, discipulado que leva a transformações que estão ocorrendo. OREMOS pelos obreiros e projetos que continuem a crescer, suprindo as necessidades reais e relevantes, levando a fortalecimento da igreja e comunitária.

​7 – OBREIROS, MANTENEDORES, APOIADORES, INTERCESSORES, VOLUNTARIOS, BASES: AGRADECEMOS A DEUS E LOUVAMOS PELA VIDA DE CADA UM, pedindo que continuem a ORAR que Deus guarde, proteja, abençoe e usar crescentemente a serem bênçãos para muito mais pessoas e povos, que Ele supra todas as necessidades de todos os aspectos das suas vidas, saúde física, psicológica, sabedoria, perseverança em tribulações, levando a vida com Deus cada vez mais profunda na obediência e dependência dEle que nunca falha e prove abundantemente pela Sua graça e misericórdia. INTERCEDAM para que Ele confirme a obra das mãos de todos, levando a transformação de vidas edificadas, frutíferas. AGRADECAM por um casal de novos obreiros locais já lideres ativos na sua comunidade e uma medica local que se juntou a nos, mais jovens se voluntariando nos atendimentos as comunidades, continuando a orar para que Deus envie mais trabalhadores pois os povos estão clamando por livramento e esperança, e que Ele mesmo nos dirija ao planejar e realizar a ampliação dos campos. A ELE TODA HONRA, LOUVOR, ACOES DE GRACAS, E GLORIA.